Glossolepis incisus (Arco-Íris Vermelho)

Este artigo foi publicado no site AqOL no dia 16/01/2013.

Foto: pinkgrapefruit.net

O Glossolepis incisus, Arco-Íris Vermelho ou até mesmo Maçãzinha é uma espécie endêmica do Lago Sentani e seus afluentes, localizado na Indonésia. Este lago possui cerca de 30 km de comprimento e de 2 a 5 km de largura, possui águas claras e densa vegetação. Sazonalmente ocorrem descontroles na população de algas do lago. As cores do peixe começam a se definir quando atinge cerca de 4 a 5 cm, portanto, exemplares jovens não são muito atrativos visualmente. A espécie foi descrita em 1908 por Max Weber e avaliada pela IUCN, em 1996, como em situação de vulnerabilidade. Chega a medir 12cm e tem expectativa média de vida de 05 anos.

PARÂMETROS: O pH deve tender para o alcalino, ente 7.0 e 8.0; Dureza (DH) de 9 a 19dh e temperatura entre 22 a 25°C.

DIETA: Onívoros. Possuem uma tendência ao carnivorismo e, por isso, é importante fornecer alimentos vivos ou congelados como base regular.

COMPORTAMENTO: Pacíficos e cardumeiros. Melhor mantê-los em grupos de pelo menos 6 exemplares, com pelo menos duas fêmeas para um macho. Nadam por todo o aquário. Quando se assustam, podem saltar fora do aquário.

AQUÁRIO: Sentem-se em casa em aquários plantados. Apreciam fraca movimentação de água. Um aquário comprido, com – no mínimo – 120cm de frente é indicado.

COMPANHEIROS: Outros peixes de tamanho semelhante da família dos arco-íris, dânios, caracídeos, barbos e coridoras. Cuidado com pequenos peixes, podem se sentir intimidados pela atividade intensa dos Glossolepis incisus e pelo seu tamanho.

DIMORFISMO SEXUAL: A fêmea é de uma cor puxando para o verde oliva. O macho desenvolve um intenso vermelho-salmão.

REPRODUÇÃO: Dispersores de ovos. O aquário para reprodução pode ter 60cm de comprimento, dispensando substrato. Plantas como Musgo de Java ou os Mops semelhantes aos utilizados na criação de killifishes são interessantes como meios de desova. O filtro deve ser de espuma.

Fornecer uma boa variedade de alimento vivo favorecerá o instinto reprodutivo. Separe no aquário de reprodução um par, com uma fêmea mais gorda, o que indica a presença de ovos.

A desova ocorre por vários dias e a fêmea pode colocar cerca de 50 deles, diariamente. Pode-se remover os ovos para um recipiente separado a fim de evitar a predação. Os filhotes nascem após cerca de 6 dias e devem ser inicialmente alimentados com infusórios.

NOTA: Algumas publicações indicam que quando a água está mais fria, todos os machos apresentam uma cor vermelha intensa, porém, quando mais quente, apenas os dominantes terão um vermelho brilhante.

Fonte

Badmans

Freshaquarium

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s